ENEMEX recomenda a biografia de Pepe Mujica
(Joel Pontin – ENEMEX Natureza e ENEMEX Cultura geral)

O ex-presidente do Uruguai Pepe Mujica ganhou fama internacional por ter atitudes consideradas excêntricas para um político tradicional: mesmo sendo chefe de estado, morava em uma modesta chácara e circulava de fusca pelo país. Muita gente não sabe, porém, que Mujica é muito culto, leitor contumaz e grande estrategista, com uma habilidade incrível de traduzir o sentimento popular.

A história de Mujica é contada pelos jornalistas Andrés Danza e Ernesto Tulbovitz no livro Uma ovelha negra no poder: confissões e intimidades de Pepe Mujica (Bertrand Brasil, 2015, Rio de Janeiro). Muito mais do que se deliciar com suas atitudes consideradas exóticas, você se surpreende com a ousadia política de Mujica, que ajudou a projetar o Uruguai como um país que está na vanguarda de vários temas da atualidade.

O então presidente Mujica tratou de assuntos polêmicos como casamento gay, aborto e uso de maconha. A leitura da obra ajuda as pessoas a refletir sobre temas dessa natureza, que muitas vezes são cobrados em questões objetivas e também em redações do ENEM e dos vestibulares em geral.

O livro também apresenta um panorama interessante da história recente da América Latina. Por exemplo, Mujica demonstrou forte personalidade ao se contrapor aos tradicionais métodos utilizados pela esquerda para avançar em políticas inclusivas e socializantes. É bem simbólico o contraditório com o então presidente da Venezuela Hugo Chaves.

Os dois autores do livro conviveram na intimidade de Mujica por muito tempo e não escondem a admiração que têm por seu personagem, o que de certa forma pode gerar uma suspeição acerca dos fatos narrados. Também o humanizam aparentemente além do humano.

Mesmo quem leva em conta esses detalhes para fazer uma leitura crítica da obra reconhece a singularidade de Mujica. Afinal, o então presidente uruguaio abria mão de até 90% do seu salário, não enriqueceu no poder e fazia questão de exibir sua cadela de três patas para todo mundo.